26 de mai de 2010

Idolatrando o amor próprio

Deus não é mais
Nada
Agora eu sou
Tudo
Besteira entregar ao abstrato
Tudo
Aqui estou, e para quê?
Nada?
Sou
Todo
Deus
Eu avanço para o
Nada
Me impede de ser
Tudo
Para você não sou
Nada
Você também é Deus
Tudo
É, sou, somos, fomos
Nada
E toda essa idéia morta
Nada
Representa agora
Nada
É mais importante para mim
Deus,
Que o espelho
Acabou
Me descobri
Você
Não é mais
Nada
Me descobri e não sinto frio
Não sinto falta tua
Meu Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faaalaaa...la,la,la,la,la,la,la,la,la...